terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Lóbulo

Nosso fascinante tango sempre foi momentâneo.
Talvez o fato de eu não esperar nada de você te perturbe.

*relaxa, é só porque eu gosto de me surpreender*

Eu te amo do meu jeito.

Somente por isso, às vezes te abandono para que eu não me abandone.
Mas sempre – sempre! – estarei ao teu lado.

12 comentários:

Fernand's disse...

gosto disso!

Fernand's disse...

superflat???

ihhhhhh... boiei.


- desconsidere, deve ser a hora. rsrs

- ou melhor, não desconsidere tanto assim... responda! hahaha

Fernand's disse...

ah, um desabafo:

ODEIO ESSA VERIFICAÇÃO DE PALAVRAS!!!


rrrrrrrrr

Sr. Despedaça Corações disse...

Quem não odeia? =P

Fabricante de Sonhos disse...

Nossa, professor.
Isso é muito bom.
Tenho aprendido bem com você, porque abandono para não perder. Dou corda para não me enforcar...

E é gostoso demais!


Ai que saudade eu estava daqui!

Passa na fábrica, tá? As posrtas estão abertas!

Um beijo grande e uma ótima semana!!

Milla Borges

Torna-te quem tu és disse...

Amei. Prazer, Claudia (http://tornaquemtues.blogspot.com) Te sigo.

[P] disse...

Na teoria é tão bonito, mas na prática...

Sr. Despedaça Corações disse...

... Na prática é melhor ainda.

[P] disse...

Du-vi-do! E não nasceu ainda a pessoa que me convenceria do contrário...

[Oi, eu sou simpática mesmo]

:)

Sr. Despedaça Corações disse...

Das duas, uma.

1. Ou você está teorizando muito e praticando pouco, ...

2. Ou você está praticando muito, mas se entregando pouco.

rs

Bom te conhecer.
Despedaça.

[E o prazer é todo meu.]

=P

Camila disse...

Gostei :) prazer!

Fernand's disse...

anonimamente???


como?
hahaha